Advertise Here

emagrecendo nota 10!

- Another Blogger Blog's

Comments: (8)
CDM

café com leite 30n

ALMOÇO [credo... não consigo comer poukinho... aff]

arroz arroz 90n
feijão 4 conchas... 200 e poucas notas...

preciso fazer mais de 1h de simulador hj...

fejãozinho novo.... deu jaca!



 

depois da jaca maravilhosa do arroz com feijão..
tenho que me conter!!!!

LANCHE
1lt de agua 0n
1lt de suco 0n
1 barra de cereal 40n

 

LANCHE II

[o mesmo que mencionei acima - ele eh chight de limão com chá]mto bom..
eu bati 400 ml de suco com 1 maçã e 1 cl de chá de colageno!
ficou uma delícia.. 25n [da maçã]


JANTA

pizza de pão 60n

[viciadaaaaaaaaaaaaaaaaaaa]










CEIA

banana 25n








Água para matar a sede, para melhorar a saúde e para emagrecer. Todos esses conceitos populares ajudam a pensar que quanto mais água bebemos melhor. Mas os cientistas dizem que a antiga fórmula está errada.

Um recente estudo hispano-americano indica que o consumo excessivo de água até prejudica a saúde.

Segundo o Centro Superior de Investigações Científicas da Espanha e o Instituto de Medicina dos Estados Unidos, “há recomendações para a quantidade diária que o corpo necessita, mas afirmar que um ser humano requer oito copos de água por dia como regra geral não tem nenhuma base científica”, explicou o diretor do comitê espanhol, Alberto Casteller.

O estudo indica que, em média, uma mulher deve ingerir diariamente uns 2,7 litros e um homem cerca de 3,7 litros. Mas nessa contagem entram todos os tipos de bebidas e até alimentos que contém água. O restante sobra. Para cada caso é preciso considerar a temperatura ambiente, o tipo de atividade diária e se há prática de exercícios físicos.

Sem emagrecimento

Os cientistas confirmam muitos dos conhecidos benefícios da água - fortalecimento de pele, unhas e cabelos porque hidrata e permite a eliminação de toxinas. Mas certos mitos como o emagrecimento acabaram rechaçados.

O estudo também alerta para o perigo dessa crença. Destaca o aumento dos casos de anorexia porque muitas pessoas estão ingerindo mais água em substituição a outros alimentos.

“Essa moda está se transformando em um problema grave. Nosso corpo tem 70% do peso em água. Para uma pessoa normal beber água constantemente não tem muita transcendência, mas para certos casos pode ser um risco mortal. Para quem tem pouco peso, há uma tendência à intoxicação por água. A redução de sódio abaixo do limite provoca tremores, confusão, perda de memória e pode haver colapso e morte”, explicou o cardiologista Juan José Rufilanchas, chefe de cirurgia da Clínica Ruber, de Madri.

No processo de excesso de ingestão de água há uma reação anormal das células do cérebro. Como o líquido é mais do que o corpo está acostumado e necessita, os rins demoram mais tempo para filtrar.

Até completar a absorção, as células se incham e podem levar a transtornos nervosos, coma e morte.

Nos casos de anorexia que atingem entre 0,5% e 1% das mulheres de 14 a 25 anos, segundo a Organização Mundial da Saúde, há trastornos psíquicos, infecções graves, inflamações intestinais. A recomendação é de consumir água mais 45 nutrientes presentes em alimentos.

Problemas cardíacos

Quem tem problemas cardíacos corre o risco sofrer edemas por beber água demais. “Os doentes cardiovasculares precisam de diuréticos para evitar água e sal. Não tem sentido beber mais. Mas aumentam o consumo pela crença e modismo de que todos temos que beber mais água porque melhora a saúde. Veja que barbaridade”, disse Rufilanchas.

Os cientistas espanhóis e americanos usaram como exemplo a maratona de Boston de 2002 para confirmar o perigo do excesso de ingestão de água.

Segundo o estudo, 488 atletas foram submetidos a um exame de sangue antes e depois da corrida. Dos que fizeram o teste e chegaram à meta à beira de um desmaio, cerca de 65% tinha baixo nível de sódio por ter bebido água demais.

Médicos e cientistas, entretanto, ressaltam que água na medida certa é positiva. A falta de hidratação afeta o metabolismo. No caso de idosos, a porcentagem corporal cai até os 50% do peso e é responsável por problemas gastrointestinais, cardiovasculares, renais, ósseos, hematológicos e endocrinológicos.

Sobre a quantidade diária a beber, recomendam “ouvir o corpo”, beber quando a sede aparecer.

SAIBA QUANTAS CALORIAS TEM CADA ALIMENTO

  1. Abacate- meio- 324 calorias
  2. Abacaxi- uma fatia- 52 calorias
  3. Abóbora- 1 píres de chá- 40 calorias
  4. Abobrinha- uma pequena- 20 calorias
  5. Acelga- 1 prato de sobremesa- 9 calorias
  6. Acerola- uma- 3 calorias
  7. Açúcar mascavo- uma colher de chá- 14 calorias
  8. Agrião- 1 prato de sobremesa- 6 calorias
  9. Água de coco- 1 copo médio- 41 calorias
  10. Aipim cozido- 1 píres de chá- 119 calorias
  11. Alface- 1 prato de sobremesa- 6 calorias
  12. Alho- 1 dente- 7 calorias
  13. Ameixa preta- uma- 22 calorias
  14. Ameixa vermelha- uma- 27 calorias
  15. Amêndoa- 10 unidades- 192 calorias
  16. Amendoim torrado- 1 píres de chá- 595 calorias
  17. Aveia em flocos- uma colher de sopa- 49 calorias
  18. Avelã- uma- 19 calorias
  19. Arroz integral cozido- duas colheres de sopa- 85 calorias
  20. Azeite de dendê- uma colher de sopa- 90 calorias
  21. Azeitona- 10 unidades- 110 calorias
  22. Banana-maçã- uma- 80 calorias
  23. Banana-nanica- uma- 80 calorias
  24. Banana-prata- uma- 62 calorias
  25. Batata cozida- uma média- 68 calorias
  26. Berinjela- uma colher de sopa- 6 calorias
  27. Beterraba- 1 prato de sobremesa- 17 calorias
  28. Brócolis- 1 píres de chá- 22 calorias
  29. Canelone- uma unidade- 92 calorias
  30. Canjica crua- uma colher de sopa- 91 calorias
  31. Caqui- 1- 89 calorias
  32. Cará- 1 prato de sobremesa- 70 calorias
  33. Carne de soja- uma porção- 106 calorias
  34. Castanha de caju- uma porção- 609 calorias
  35. Cenoura- uma média- 25 calorias
  36. Chicória- 1 prato de sobremesa- 6 calorias
  37. Chuchu- 1 prato de sobremesa- 55 calorias
  38. Cogumelo- 1 píres de chá- 15 calorias
  39. Couve-manteiga- 1 prato de sobremesa- 13 calorias
  40. Couve-flor- 1 píres de chá- 25 calorias
  41. Damasco fresco- 1- 19 calorias
  42. Damasco seco- 2- 39 calorias
  43. Ervilha- uma colher de sopa- 18 calorias
  44. Espaguete- 1 prato- 192 calorias
  45. Espinafre- 1 prato de sobremesa- 18 calorias
  46. Farinha de mandioca- uma colher de sopa- 68 calorias
  47. Farinha de milho- uma colher de sopa- 73 calorias
  48. Feijão preto- uma concha média- 137 calorias
  49. Figo fresco- 1- 68 calorias
  50. Geléia de frutas- uma colher de sobremesa- 36 calorias
  51. Gema de ovo- uma- 71 calorias
  52. Goiaba- uma- 57 calorias
  53. Grão-de-bico- uma colher de sopa- 23 calorias
  54. Iogurte desnatado- 1 pote- 84 calorias
  55. Iogurte natural- 1 pote- 152 calorias
  56. Laranja- uma- 43 calorias
  57. Lentilha- uma concha média- 152 calorias
  58. Limão- 1- 22 calorias
  59. Maçã- uma única média- 64 calorias
  60. Macarrão talharin- 1 prato- 192 calorias
  61. Maisena- uma colher de sopa- 69 calorias
  62. Mamão formosa- uma fatia média- 54 calorias
  63. Mandioca cozida- 1 píres de chá- 119 calorias
  64. Mandioquinha- 1 prato de sobremesa- 125 calorias
  65. Manga- meia- 91 calorias
  66. Maracujá- 1- 90 calorias
  67. Melancia- uma fatia- 31 calorias
  68. Mel- uma colher de sopa- 62 calorias
  69. Melão- uma fatia- 30 calorias
  70. Milho verde- duas colheres de sopa- 40 calorias
  71. Morango- 10- 39 calorias
  72. Nabo- 1- 35 calorias
  73. Nhoque- 1 prato raso- 260 calorias
  74. Nozes- 10- 353 calorias
  75. Óleo de girassol- uma colher de sopa- 82 calorias
  76. Palmito- 1 prato de sobremesa- 18 calorias
  77. Pão de centeio- uma fatia- 70 calorias
  78. Pão de leite- uma fatia- 92 calorias
  79. Pão de queijo- 1- 75 calorias
  80. Pão de glúten- uma fatia- 76 calorias
  81. Pão integral- uma fatia- 70 calorias
  82. Pão italiano- uma fatia- 138 calorias
  83. Pepino- 1 médio- 22 calorias
  84. Pera- uma média- 63 calorias
  85. Pêssego- 1- 52 calorias
  86. Pimentão- 1- 15 calorias
  87. Pinhão- 1- 22 calorias
  88. Pipoca pronta- 1 pacote- 403 calorias
  89. Pistache- uma porção- 640 calorias
  90. Pizza escarola- uma fatia- 264 calorias
  91. Pizza de muzzarela- uma fatia- 289 calorias
  92. Queijo de minas- uma fatia média- 61 calorias
  93. Queijo muzzarela- uma fatia média- 81 calorias
  94. Queijo parmesão- uma fatia- 101 calorias
  95. Queijo prato- uma fatia média- 88 calorias
  96. Queijo provolone- uma fatia média- 84 calorias
  97. Queijo suíço- uma fatia média- 101 calorias
  98. Rabanete- 1- 2 calorias
  99. Repolho- 1 prato de sobremesa- 8 calorias
  100. Requeijão- uma colher de sopa- 75 calorias
  101. Requeijão light- uma colher de sopa- 45 calorias
  102. Ricota- uma fatia- 45 calorias
  103. Rúcula- 1 prato de sobremesa- 7 calorias
  104. Salada de frutas- uma taça- 230 calorias
  105. Sopa de feijão- 1 prato fundo- 289 calorias
  106. Sopa de legumes- 1 prato fundo- 215 calorias
  107. Souflê de legumes- uma porção grande- 170 calorias
  108. Suco de laranja- 1 copo médio- 128 calorias
  109. Suco de tomate- 1 copo médio- 22 calorias
  110. Tangerina- uma- 50 calorias
  111. Tomate- 1- 25 calorias
  112. Torrada- uma- 31 calorias
  113. Uva- 1 cacho pequeno- 118 calorias
  114. Uva passa- uma xícara de chá- 298 calorias
  115. Vagem- uma colher de sopa- 10 calorias
Comments: (1)
Truques infalíveis para vencer a balança

É fato: depois de perder os primeiros quilos, parece que o regime estaciona e fica quase impossível eliminar um grama a mais. Saiba por que a balança congelou e aprenda a dar um arranque na queima de calorias
por Carla Conte


A dieta está rígida demais
Quando cortamos de forma drástica as calorias, principalmente carboidratos, o primeiro resultado é emagrecimento rápido. “Porém, depois de alguns meses, o organismo se ressente e passa a economizar energia, temendo passar fome. O que torna a perda de peso bem mais lenta e difícil”, explica a nutricionista Tânia Rodrigues, da RGNutri Consultoria Nutricional, em São Paulo. A solução é optar por uma dieta equilibrada, que proporcione emagrecimento gradual. 

o corpo se acostumou
“Esse processo ocorre geralmente depois de emagrecer pelo menos 10% do seu peso”, diz o endocrinologista Amélio Godoy Matos, do Rio de Janeiro (RJ). Após uma dieta hipocalórica, o organismo pode se adaptar, ficando satisfeito com menos energia. Ou seja, o emagrecimento estaciona. A melhor saída é aumentar o ritmo e o tempo dos exercícios aeróbicos para compensar a menor queima calórica.


você relaxou...
Emagrecer costuma dar aquele incentivo para continuar firme na dieta. Só que, às vezes, o efeito pode ser contrário. “Depois de perder alguns quilos com facilidade, vem a sensação de que se é capaz de enxugar as medidas a qualquer momento. Isso faz com que sejamos mais permissivos com o cardápio”, diz Matos. Resultado: os deslizes, que antes eram exceção, viram rotina. Se esse é o seu caso, retome a disciplina inicial: corte as frituras, evite comidas muito gordurosas e não exagere nos doces em geral.

Além dessas providências, seja qual for o seu caso, você pode turbinar a sua perda de peso. A nutricionista Vanderlí Marchiori, presidente da Associação Paulista de Nutrição, selecionou alguns ingredientes que aceleram o seu metabolismo (ou seja, elevam o gasto de energia) e tranqüilizam seu apetite para tornar você menos vulnerável àqueles ataques à geladeira. Agora, sim, você vai eliminar os quilos que faltavam!


Operação detona gordura
 

1. TEMPEROS PICANTES

É científico. Estudos britânicos e japoneses comprovaram que o consumo de pimenta aumenta em até 25% o ritmo do metabolismo. Isso se dá porque a capsaicina, a substância ardida da pimenta, eleva a temperatura corporal e, para manter o organismo nos 36 graus, queimamos mais calorias do que o habitual. Uma segunda pesquisa, da Universidade de Laval, no Canadá, apontou que a capsaicina também tem efeito estimulante e reduz o apetite. Mas vá com calma: algumas gotinhas de molho de pimenta em cada refeição são mais que suficientes. Abusos podem desencadear gastrite em pessoas com predisposição.


Outro tempero aliado do emagrecimento é o gengibre. Essa raiz eleva a temperatura corporal gra-ças à ação da substância zingiberina e provoca hiperatividade celular, estimulando maior queima energética. Segundo um estudo australiano, o gengibre pode elevar em até 20% o gasto calórico. Você pode usá-lo ralado, no preparo de carne, frango ou peixe, em refogados de legumes ou em conserva.


2. FARELO DE AVEIA

 Muita gente já sabe que a aveia, além de promover uma verdadeira limpeza no organismo, varrendo o colesterol e as impurezas, ajuda a saciar a fome graças às suas fibras. A novidade boa é que o farelo (vendido em supermercados) também atua dessa maneira, com vantagens. Seu teor de fibra é superior ao da aveia e, por isso mesmo, engana melhor a fome. Outro benefício: o organismo não consegue assimilar todas as fibras (parte delas é eliminada pelas fezes), logo, a cada colher de sopa de farelo, que vale 30 calorias, só 5 são absorvidas. Como incluí-lo no cardápio? Adicione-o no suco de frutas, na vitamina, no iogurte, na sopa de legumes ou, ainda, prepare carnes magras empanadas no farelo e suco de limão.

3. ABACAXI COM HORTELÃ


 Esse suco é ótimo para quem vive de olho na balança. A fruta possui uma enzima chamada bromelina, que facilita a digestão, principalmente das gorduras. Já a hortelã age de modo similar à pimenta — a folha altera a tempe-ratura corporal (nesse caso, esfria em vez de esquentar), o que faz o organismo queimar mais calorias para voltar aos 36 graus. Para cada copo de suco, use duas fatias de abacaxi e duas colheres de sobremesa de hortelã picada. O chá de hortelã gelado tem efeito semelhante.


4. SHAKE

Os shakes, que ficaram famosos por prometer enxugar as medidas, podem ajudá-la a vencer a ba-lança. Os médicos continuam desaconselhando o seu uso no lugar do almoço ou do jantar por não ser um alimento completo e ba-lanceado. Porém, uma boa tática que não compromete a saúde é usá-lo temporariamente como lanche da tarde. É um jeito de despistar a fome e se satisfazer com um jantar mais leve, já que os excessos noturnos derrubam qualquer dieta. Os shakes têm, em média, de 130 a 230 calorias por porção batida com leite desnatado ou água e ajudam a segurar o apetite por conter fibras. Durante 15 dias, intercale o uso do shake dia sim, dia não. Mas não prolongue seu uso porque ele é apenas um paliativo na reeducação alimentar.


achei essa tabela mto interessante e resolvi mostrar pra vocês!!!

Comments: (0)
to dodói....

amigas..

acordei as 5 da manhã com cistite!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
ai que ódio.. mto ruim, passei a madrugada com dor..
mas acabei de tomar o remédio, creio que a tendência eh melhorar!!!


_______________________________________________________________

DIÀRIO!


CDM

café com leite 30n
suco 0n
1 ft pão 17n



ALMOÇO

macarrão com frango 250n [pézinho na jacaaaaaaaaaa!]

fui a0o destista fazer manuntenção no aparelho, ja to bem melhor da bexiga...
mas fico imprestavel por conta do remédio, que eh super forte...


LANCHE

vitamina 80n

400ml de agua 0n
maçã 20n
2 e 1/2 col de molico 35n
1 col de aveia 17n
linhaça 10n]

1lt de agua


JANTA

pizza de pão 60n

pão 35n
maionese 26n
tomate 0n
katshup 0n
1 aquarius fresh 0n

um pedacinho de bolo 30n

CEIA
 

suco 0n


tt: 467 notas


como faço exercicío, tenho 500n


bebi 3 litros de agua

fiz 40 minutos no simulador


______________________________________________________

beijos!!!!!!!!!!!